SIGA-NOS NO FACEBOOK

terça-feira, 6 de junho de 2017

FICHA LIMPA DEVERIA NORTEAR ELEIÇÕES INDIRETAS

Se o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) cassar a chapa Dilma-Temer no julgamento que começa nesta terça-feira (6), destituindo o peemedebista da chefia do Executivo nacional, a Constituição determina que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) assuma o cargo, e o Congresso convoque eleições indiretas em 30 dias.
Para aqueles que defendem essa receita constitucional, prescrita no artigo 81 da Carta, não se trata de gostar ou não de entregar a escolha do novo presidente aos 513 deputados e 81 senadores da República, muitos deles alvos de investigação.